sexta-feira, 29 de abril de 2011

Malhação a políticos corruptos, milicianos e traficantes na Barra

Rio - A tradicional malhação de Judas do Sábado de Aleluia foi diferente este ano na Praia da Barra da Tijuca. Escolhidos como alvos, bonecos de um criminoso e de um político corruptos foram afogados no mar, em frente ao posto 8, por banhistas e crianças vestidas de anjo. A manifestação atraiu a atenção de muitos curiosos.
Enquanto um boneco representava um político envolvido em corrupção, o outro simbolizava traficantes e milicianos. Colocados dentro de caixões ainda no calçadão, eles foram levados em cortejo até o mar. Ao lado, cada criança representava uma Unidade de Polícia Pacificadoras (UPP). Também houve uma homenagem aos 12 alunos mortos, dia 7, na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo.

O organizador do ato, Orson Welles, disse que a representação tinha como intenção mostrar que o Rio está alcançando a paz. “Mostramos criminosos e políticos corruptos e, por outro lado, a paz que vem chegando no Rio. É um agradecimento público ao que as UPPs estão fazendo. Por isso cada criança representa uma Unidade de Polícia Pacificadora”, explicou.

Ano passado, o mesmo grupo elegeu o deputado federal Ibsen Pinheiro como Judas por causa da proposta que reduz os royalties do petróleo dos estados produtores.

FONTE: O DIA ONLINE

Nenhum comentário:

Postar um comentário